Auckland

Surto de sarampo enviou mais de 100 bebês ao hospital

Mais de 100 bebês foram hospitalizados após contrair sarampo este ano.

Durante este ano 102 bebês com menos de 1 ano foram enviados para o hospital, de um total de 176 que pegaram sarampo, mostram dados do  Institute of Environmental Science and Research.

O surto de sarampo no país ainda não está desacelerando, apesar de um enorme esforço de vacinação.

Problemas de fornecimento de vacina MMR continuam a frustrar médicos de Auckland

O diretor clínico da rede ProCare, Allan Moffitt, disse ter visto uma demanda sem precedentes de pacientes pelo jab, à medida que o surto de sarampo continua.

Ele disse que o suprimento de vacinas já havia sido redistribuído para clínicas em áreas de alto risco que estavam com pouco ou esgotado, mas grande parte desse estoque já havia sido esgotada.

A prioridade estava sendo dada às crianças que deveriam receber as vacinas ou que nunca foram imunizadas, disse ele.

O Ministério da Saúde espera uma remessa de 52.000 vacinas contra sarampo, caxumba e rubéola até o final deste fim de semana.

Eles serão distribuídos onde for necessário na próxima semana.

No início desta semana, o ministério disse que estava pedindo aos GPs que direcionassem as vacinas para os mais vulneráveis.

Isso significava que a primeira prioridade seria:

  • Garantir que todas as crianças em todo o país recebam suas vacinas de 15 meses (ou 12 meses em Auckland) e quatro anos.
  • Grupos de vacinação mais afetados pelo surto de Auckland, incluindo crianças menores de quatro anos, entre 15 e 29 anos e pessoas do Pacífico.
  • Contato proativo com crianças até 14 anos de idade que nunca foram vacinadas.
Houve 1238 casos confirmados de sarampo na Nova Zelândia este ano, com 1028 em Auckland.

Fonte

Etiquetas
Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique também

Fechar
Fechar