Saúde | Estilo de Vida

Dentes brancos, é possível?

Dentista Aline Andrade

Todos os dias as pessoas me perguntam sobre como ter os dentes mais brancos.

O clareamento dentário está em alta e hoje com produtos modernos está cada vez mais fácil obter os resultados desejados. Porém ao mesmo tempo essa sede por dentes claros abriu brecha para um mercado de novos produtos e com isso novas dúvidas surgiram. Vou através esse texto, tentar sanar algumas das dúvidas mais frequentes.

Preciso ir ao dentista para clarear meus dentes? Por que?

De creme dental com ação clareadora a clareamento a lazer, sempre é importante contar com o acompanhamento profissional.

Primeiramente o profissional poderá identificar o tipo de manchas e pigmentos de seus dentes, se extrínsecas (por fora) ou intrínsecas (por dentro).

Posso usar creme dental clareador?

Os cremes dentais clareadores têm em sua composição agentes químicos que ajudam na prevenção de novas pigmentações, abrasivos (agentes mecânicos) que poderão eliminar manchas, porém somente as extrínsecas (superficiais).

Estes, usados corretamente, com uma boa técnica de escovação, poderão trazer bons resultados. Mas lembre-se que é um produto químico e precisa ser usado com acompanhamento profissional pois podem causar sensibilidade e exatamente por conter abrasivos, causam um polimento dentário. Nada em excesso é bom.

E os produtos vendidos no mercado?

Dentre os clareadores químicos existem opções caseiras como fita ou gel. Porém esses produtos contém o agente clareador em baixa porcentagem, para que seja seguro o uso doméstico, assim dificilmente trazem o resultado desejado.

Quando se deseja um melhor resultado deve-se procurar o clareamento profissional.

Mas o que o profissional pode fazer?

Primeiramente é importante que seja feito um bom exame clínico para verificação dos hábitos de higiene oral, se há lesões de cárie, inflamação gengival, retração gengival, restaurações anteriores (essas não clareiam), dentes desvitalizados ou com tratamento de canal (também não clareiam com esse método). É muito importante que previamente ao início do tratamento também seja feita uma limpeza profissional e remoção de tártaro.

Qual é o produto do clareamento?

Os princípios ativos mais comuns nos clareadores são o peróxido de carbamida e o peróxido de hidrogênio. Estes são capazes de remover tanto as manchas superficiais quanto as profundas. O que é bem interessante hoje, é que os produtos mais modernos contam com dessensibilizantes em sua composição, possibilitando maior conforto ao paciente. Acabou aquela história de que clareou ficou sensível.

Mas como funciona a ação do produto?

Basicamente ocorre uma reação de oxidação, que produz radicais livres. O oxigênio que se origina do peróxido penetra na estrutura dental e quebra os pigmentos que escurecem os dentes, transformando-os em cadeias menores e mais claras. O esmalte (parte de fora do dente) é translúcido o que clareia é a dentina (parte interna).

Quais são as técnicas profissionais?

Existem três opções de clareamento profissional.

O clareamento com moldeira, o de consultório e o combinado.

No clareamento com moldeira se fará uma moldagem da boca do paciente e uma moldeira é confeccionada. O uso da moldeira com o gel será pelo tempo indicado no produto fornecido pelo profissional. Já existem produtos que agem em apenas 15 minutos por dia. O produto tem uma porcentagem segura para o uso caseiro. Este será usado em média por 2-3 semanas. É importante lembrar que durante o tratamento não se deve comer ou beber nada que contenha muito pigmento ou corantes.

No clareamento de consultório os resultados são imediatos pois os produtos usados têm uma porcentagem bem mais alta (até quase 4 vezes mais do que o gel caseiro) e é por isso que deve ser muito bem acompanhado.

O melhor resultado de todos se dá com o clareamento combinado, aonde se faz a sessão no consultório e segue-se com o clareamento caseiro por mais duas semanas. Esse traz um resultado mais duradouro.

Por quanto tempo dura o clareamento?

Isso vai depender muito dos hábitos de cada um, para as pessoas que ingerem alimentos com muito corante e pigmentos vai durar menos. As manutenções periódicas no dentista e hábitos de higiene oral também determinarão a longevidade desse tratamento.

Tem alguma contra indicação?

Sim, pessoas com dentes muito restaurados. Fumantes também não conseguem um bom resultado. Dentes com tratamento de canal precisam fazer o clareamento interno.

De qualquer maneira vale lembrar que mais importante que dentes brancos é a sua saúde e sua vontade de sorrir diariamente.

Com dentes brancos ou não, siga sorrindo todos os dias.

Cuide-se e deixe-se cuidar.

Imagem de PublicDomainPictures por Pixabay

Aline Andrade

Mãe de três lindos meninos, esposa de um cara bacana, dentista por amor, bailarina amadora, poeta nas horas vagas, mulher com orgulho. Formada em Odontologia pela Universidade Paranaense, especialista em Endodontia pela Universidade São Leopoldo Mandic. Vivendo na Nova Zelândia desde 2018 e amando esse país cada dia mais.
Facebook e Instagram: @dentistalinenz
Johnson and Johnson Dental Care Unit 5, 326 Sunset Road Mairangi Bay
Auckland – Contato: 09-478 7732

Etiquetas
Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar